Como escrever um guião?

Escrever um guião não deve ser tão difícil. Já temos uma história… agora é só pô-la no papel. Infelizmente para muita gente e felizmente para nós (porque vivemos disto), é um pouco mais complexo do que isto!

O guião tem que fazer mais do que contar uma história. 

clooney quote the importance of a script

Breve história do Guião

Primeiro vamos analisar a palavra etimoligicamente –  O que é um guião?  Como o nome indica é um guia grande. DAHH! Se fosse um guia gigante então seria chamado guiãozarrão.

Quando os filmes deixaram de ser mudos foi necessário criar uma ferramenta transversal a todas as partes envolvidas na produção de um filme. Mas sobretudo, que ajudasse os grandes estúdios a tomar decisões, baseadas em custos e no provável sucesso que esse filme, ainda no papel teria.

E criou-se o Guião! Pimba! já aprenderam qualquer coisa hoje.

Para que serve um guião

Ao contrário de uma Tuna Académica, um guião é de uma utilidade extrema. Para um filme de 30 segundos ou nove horas, um guião dá os diálogos aos actores, as cenas aos realizadores, os adereços à equipa de arte, etc. Mas o mais importante é o controle de custos para quem produz.

Um bom guionista escreve uma boa estória.

Um guionista excepcional escreve uma boa estória a custos reduzidos.

A importância da estória

Aprendemos a contar estórias. Não basta ter uma boa estória. É preciso saber conta-la.

Um guião serve para isso mesmo. Orientar a estória.

Uma estória é como o Capuchinho Vermelho. Se não for bem orientada arrisca-se ir pela floresta e a encontrar o Lobo Mau. Claro que um bom editor pode corrigir algumas coisas, como o Lenhador que salva a avó e o Capuchinho, tirando-as de dentro do estômago do Lobo Mau.

O que nunca contaram é que, apesar de saírem com vida, a avó e o Capuchinho viveram o resto da vida num estado de saúde debilitado, devido ao contacto com os sucos gástricos. Uso constante de pomadas e cremes para a pele, bombas para os problemas respiratórios, produtos anti-queda de cabelo, consultas de psiquiatria devido ao stress pós traumático são agora uma rotina na vida das nossas protagonistas.

Enfim nunca mais foram as mesmas e gastam rios de dinheiro todos os dias. Perceberam a metáfora do Capuchinho e parte do gastar dinheiro?

hitchcock quote script writing

Guiões para filmes promocionais

 Ao contrário do que pensam, a mensagem da estória do capuchinho vermelho não é ouvir os conselhos da mãe para evitar o bosque e falar com estranhos.

A mensagem é: Os biscoitos que levas à avó são tão bons e baratos, que se não chegam depressa, vão ser comprados por outros.

Se a estória não passou bem esta última mensagem, então é porque foi mal contada. E se vocês não perceberam a importância de contratarem a Máquina de Escrever, estão esta página também está mal escrita.

Precisam de um filme?

Até ao lobo mau vendemos bolachas